quinta-feira, 9 de abril de 2015

De quem é a força?

Que linda declaração do profeta Jeremias:
"Tu te aproximaste no dia em que te invoquei; disseste: Não temas". Lm.3.57
Não estamos isentos de ter essa experiência, não somos excluídos dessa bondade infindável e não podemos descrer de que Ele estende seu cuidado até nós e nos acalenta com uma  palavra que exala tranquilidade e amor.
Ele prossegue afirmando o precioso cuidado e envolvimento do Pai com as suas causas: 
" Pleiteaste, Senhor, a minha causa; remiste a minha vida". Lm.3.58
Deus luta as nossas lutas, Ele defende as nossas causas, vai à nossa frente. 
Talvez você esteja em uma situação de luta ferrenha, em que suas forças já estejam se esvaindo e não há mais desejo de prosseguir, ou até mesmo você tem lutado com muita  força, mas não consegue perceber resultados satisfatórios, pois tem sido apenas as forças do seu próprio braço. Deus tem prazer em prosseguir conosco. 
Jeremias reconheceu o Senhor em seus caminhos, confessou o que precisava e rendido, esperou por sua bondade absoluta, não lutou sozinho, nem desprezou a confiança no que  o todo-poderoso realizaria, a força não era dele.
" A minha porção é o Senhor, diz a minha alma; portanto esperarei nele. Bom é o Senhor para os que esperam por ele, para a alma que o busca". Lm .3.24-25
Deus, em sua justiça, ergue o  seu braço forte  a  nosso favor e  maravilhados contemplaremos o seu livramento , contemplaremos  a sua salvação.
Amo vocês 
Clébia ✌

6 comentários: