segunda-feira, 18 de maio de 2015

Cortar o mal pela raiz

Existe um sentimento mais horrendo do que a amargura? 
Hernandes Dias lopes a descreve como um veneno mortal, que mata mais rápido seus remetentes do que seus destinatários. 
   A Bíblia nos ensina que a  amargura gera  perturbação para a pessoa que a nutre  e contaminação para quem está à sua volta.
"tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem;"Hb. 12.15
Realmente, um sentimento destruidor, algo que aprisiona suas vítimas, que quebra relacionamentos, que atormenta a alma e que transtorna as pessoas. 
Ela possui raízes que  brotam, crescem se espalham  como uma infecção que, se não debelada, acaba levando sua vítima a óbito. Assim como uma septicemia, infecção generalizada grave que se espalha por todo o corpo, a amargura se espalha em nosso coração adoecendo as nossas emoções e nos causando graves prejuízos também em nossa vida espiritual.
O apóstolo Paulo exorta aos  efésios 
"Toda a amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmia sejam tiradas dentre vós, bem como toda a malícia". Ef.4.31
A amargura não deve encontrar lugar entre nós e nem em nosso coração.
ela tem potencial para arruinar, para esvaecer  a nossa espiritualidade.
Cuidemos para que estas raízes malignas não nos alcance e nem contamine nossa alma com a sua podridão. Cortemos o mal  pela raiz! 
Amo vocês 
Clébia ✌

9 comentários: