segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Não desviemos o olhar

As ondas muito altas, o vento forte,  mas Pedro não os notou,  reconheceu imediatamente o seu Senhor e saltando do barco não pensou duas vezes, andou sobre as águas!
Deveria ter continuado com a mesma perspectiva inicial,  com o mesmo foco. Infelizmente ele olhou ao seu redor, percebeu os aparentes perigos  e começou a afundar imediatamente. 
" Disse-lhe ele: Vem. Pedro, descendo do barco, e andando sobre as águas, foi ao encontro de Jesus. Mas, sentindo o vento, teve medo; e começando a submergir... Mt. 14.29,30
Começamos bem, iniciamos com fé e determinação, com ânimo e coragem, mas depois nos deixamos levar pelas circunstâncias, pelas dificuldades e então....afundamos! 
A dúvida e o medo  são inimigos da da confiança, eles minam nossa determinação e nos fazem parar no meio do caminho, e o que é pior,  retrocedemos, caímos! 
Jesus estava ali, Pedro sabia que sim, ouviu sua voz, ouviu o seu comando, não havia necessidade de dúvidas,  mas elas tomaram conta do seu ser e o medo sabotou  a coragem.
Ele não manteve os olhos em Cristo, mas na violência do vento e na altura das ondas. Ah, que isto seja insignificante para nós, que os nossos olhos não encontrem outra direção,  que não perceba a impetuosidade das circunstâncias, mas que permaneça com Aquela voz aos ouvidos: Vem! 
Permaneçamos com os olhos no nosso Senhor e que Ele não encontre em nós corações de  "pouca fé" ! 
Amo vocês 
Clébia ✌ 

2 comentários: